17 de jan de 2014

Falta de amor ao próximo

Grávidas aguardando atendimento médico em hospital público do Rio de Janeiro

A situação da saúde pública no Brasil é lastimável. Não é possível que nossas autoridades possam ficar tão alheias ao sofrimento de nosso povo.

Falta amor, consideração, humanidade. Como pode um ser humano normal apoiar o gasto de milhões em estádios de futebol enquanto nosso povo menos favorecido é tratado de forma tão cruel e desumana?

Falta amor ao próximo. Falta compaixão. Como é que a sexta maior economia do mundo pode tratar seus cidadãos desta forma?

Como é que um país com uma das maiores cargas tributárias do mundo aplica tão pouco no bem estar social de seu povo?

Como é que um país que se diz cristão pode aceitar uma situação destas?

Precisamos urgentemente de uma revolução de ética noBrasil!
 
http://brasillivreedemocrata.blogspot.com.br/
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário