16 de dez de 2013

Ex-programador da NASA e da ExxonMobil admite que fraudou urnas eletrônicas; assista

Imagem: Reprodução/Wikimedia
Clinton Eugene Curtis, programador de computação e advogado norte-americano, tornou-se famoso nos EUA após denúncias graves de fraudes e violações em urnas eletrônicas. 

Segundo ele, Tom Feeney, congressista do Partido Republicano, solicitou-lhe a escrita de um programa que alterasse o resultado das votações eletrônicas de forma indetectável. 




De acordo com Curtis, o programa desenvolvido atuou na falsificação de eleições, sendo indetectável por oficiais.

Conforme seu depoimento, alterações poderiam ser percebidas apenas por especialistas que analisassem o código fonte ou pela recontagem por meio de comprovantes impressos. Tais depoimentos, somados a evidências, testemunhos outros e declarações e estudos de especialistas, em muito contribuíram para o descrédito de sistemas eletrônicos para a contagem de votos.

Assista: Documentário da HBO denuncia fraudes, manipulações e fragilidades em urnas eletrônicas; assista

Assista ao momento de algumas de suas declarações abaixo:

Caio Barbosa
Folha Política
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário