16 de ago de 2013

Açúcar refinado: o combustível do câncer


Se você ou alguém que você conhece está sofrendo de câncer, uma das melhores coisas que podem fazer é tirar a comida favorita da doença - o açúcar.


Enquanto que todas as nossas células precisam de glicose (um tipo de açúcar que é transformada em energia), o câncer se desenvolve em um corpo cheio de carboidratos simples (que se tornam açúcar no corpo) e açúcares refinados que vêm de alimentos processados e guloseimas excessivamente doces.

O processo normal de respiração de oxigênio no corpo é alterado para a fermentação do açúcar. Se você remover o açúcar, o corpo não deve desenvolver câncer.

A conexão entre o açúcar e o desenvolvimento de câncer certamente não é nova.

A maioria das pessoas pode facilmente remover os culpados óbvios que estão cheios de açúcar refinado - bolos, doces, biscoitos, etc. O problema é que muitos alimentos que são embalados e vendidos nos EUA e em outros países estão cheios de açúcar refinado, mas muito sorrateiramente escondidos nos rótulos das embalagens. Coisas como iogurte "saudável", cereais, trigo integral ou pães integrais, e até mesmo itens "de baixa caloria" podem estar cheios de açúcar.

A maneira mais fácil de eliminar os açúcares refinados indesejados é parar de comprar alimentos de "conveniência" ou pré-embalados e, pelo menos temporariamente, não comer em restaurantes - muitos deles provém sua comida de grandes empresas que "temperam" sua comida com grande quantidade de açúcar e sal para torná-la mais palatável depois de ser congelada e transportada em caminhões. Mesmo os molhos para saladas podem estar carregados com o açúcar. Para lidar com o desejos de alimentos açucarados, aumente a quantidade de proteínas à base de plantas e coma alimentos mais nutritivos.


Fonte: Natural Society
http://noticias-alternativas.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário