15 de ago de 2013

Coloque as lágrimas dentro de um odre.


Não me leve a mal, mas suas palavras ferem e dilaceram quem o rodeia, mas, quando é de sua vontade, elas também podem curar. O peso de suas palavras é, de fato, o que precisa ser apreendido nessa caminhada, meu caro.
 Ah, aprenda desde já que o fio que ora conduz ou constrói as relações humanas chama-se - Poder. 
Já parou para pensar quão bem ele é usado nas relações pais-filhos, amigos-amigos e irmãos?
 E você o que tem feito com seu maior instrumento de poder que a evolução das espécies já o dotou?
 Consegue expor seus pontos de vistas de forma clara e deixa outros entenderem a razão pela qual age e se comporta como se comporta? Para mim, o que falta é uma cabeça pensante diante do caos, da desorganização, da gritaria e da cobrança.
De tudo ficaram três coisas… 
A certeza de que estamos começando… 
A certeza de que é preciso continuar… 
A certeza de que podemos ser interrompidos 
antes de terminar… 
Façamos da interrupção um caminho novo… 
Da queda, um passo de dança… 
Do medo, uma escada… 
Do sonho, uma ponte… 
Da procura, um encontro!
Um abraço a todos!


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário