25 de mai de 2014

Atenta ao que te incomoda, tens ali um mestre...


“Atenta ao que te incomoda, tens ali um mestre.”

Este é um velho ditado, difícil de interiorizar...mas extremamente necessário para nossa maturidade consciencial.

Passamos a vida inteira a julgar e condenar o que está "lá fora"...sendo que não paramos nem um minuto para questionar o porquê aquilo está nos incomodando tanto.  Devemos olhar para dentro e procurar as respostas, caso contrário passaremos a vida sendo reféns das atitudes alheias...sendo apenas um eco.

Por que isso me incomoda tanto? Será que é minha vaidade que foi tocada? Meu orgulho? A minha arrogância? A minha velha necessidade de estar certo e ter razão? 

Por que tenho que compartilhar esse pensamento? Será que estou procurando validação de outros Egos para reforçar o meu? Será que no fundo eu não estou tão certa do que penso, por isso estou procurando esse apoio externo?

Por que aquela pessoa me incomoda tanto? O que tem nela que desperta em mim essa sensação ruim? 
Seria a minha inveja? Será que ela mexe com meu orgulho e minha vaidade, me desvalorizado? Ou será que ela simplesmente é o que eu gostaria de ser, mas não tenho coragem?

Por que eu fico incomodado com o que os outros pensam? Seria a minha vaidade querendo que as pessoas pensem apenas coisas boas a meu respeito? Seria a minha vaidade buscando aceitação e aplausos? Ou será que até eu duvido de mim mesmo e por isso é tão importante a opinião dos outros?

Essas são questões que apenas nós podemos responder, através de um profundo mergulho que cada um vai fazer dentro de si mesmo. Ninguém, absolutamente ninguém vai responder por nós, pois o que se passa aqui dentro é território sagrado. 

A partir deste momento, te convido a receber o INCÔMODO como um mestre em sua vida!
Sempre que se sentir incomodado com alguma coisa, pare e reflita! 

Por que isso me incomodou? Se me incomodou é porque tocou em algo que pede por transformação, pede mudança. É  a necessidade de evolução, gritando dentro de nós! É a vida nos convidado a mudar o olhar para enxergar novas paisagens que antes passavam despercebidas.

Quando nos alinharmos com a nossa essência, quando aprendermos a lidar com nosso lado sombra...nada vai nos incomodar mais. Percebemos que o "lá fora" é só o lá fora... E que aprendemos a  lidar com nossas emoções, por isso nada nos perturba mais. 
Beijos Reflexivos...
Sheila Costa
 Passarinhos no Telhado

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário