2 de ago de 2013

Vídeo da turista paulista atacada por tubarão na Praia da Boa Viagem no Recife PE

Veja bem de perto como ficou a perna da moça:



“Uma jovem de 18 anos foi atacada por um tubarão, por volta das 13h30, desta segunda-feira (22), na praia de Boa Viagem, no bairro do mesmo nome, na Zona Sul do Recife. Bruna da Silva Gobb foi socorrida por policiais militares para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro da Imbiribeira, e em seguida transferida, em estado grave, para a emergência do Hospital da Restauração (HR), na área central da Capital.
De acordo com informações de banhistas que presenciaram o ataque, a vítima estava acompanhada de mais três primos, quando teria sido surpreendida pelo animal. ‘Ela começou a gritar e levantar as mãos pedindo socorro. Rapidamente foi arrastada para o fundo, em meio a um imenso rastro de sangue. Uma cena muito forte e triste.’, contou o turista paulista Jorge Henrique. Uma das pessoas, identificada apenas como Danielle, também chegou a se afogar, recebendo atendimento ainda desacordada.
Segundo o Corpo de Bombeiros, a lesão ocorreu na região da perna esquerda, logo abaixo do joelho. As equipes utilizaram um jet-ski para se aproximarem da garota, que foi retirada da água em condição de choque. As imediações da tradicional pracinha de Boa Viagem, onde o incidente aconteceu, possuem placas de sinalização informando riscos de ataque. Ainda conforme a assessoria do HR, a garota foi entubada e, após ser submetida a um procedimento cirúrgico, teve parte da pena amputada. Após o procedimento, ela foi encaminhada à Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde segue respirando com ajuda de aparelhos. Bruna reside em São Paulo e está de férias no Recife. Ela pretendia retornar à capital paulista nesta quarta-feira (24).
23/07/2013
Morreu no fim da noite de segunda-feira (22) a adolescente paulista vítima de um ataque de tubarão na praia de Boa Viagem, Zona Sul do Recife. Bruna Silva Gobbi, 18 anos, que passava férias na capital pernambucana com a família, foi atacada pelo animal por volta das 13h, enquanto nadava a cerca de 20 metros da faixa de areia. O banho de mar no cartão-postal da cidade virou tragédia. E voltou a assombrar a população.
Bruna perdeu muito sangue, chegou a sofrer quatro paradas cardiorrespiratória e teve parte da perna esquerda amputada durante uma cirurgia realizada no Hospital da Restauração (HR), no Derby, área central do Recife. De acordo com informações da assessoria de imprensa da unidade de saúde, a turista não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 23h30, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
Antes de ser transferida para o HR, Bruna foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira, na Zona Sul, onde sofreu a primeira parada cardiorrespiratória. Imagens do momento do ataque e do resgate dos bombeiros foram divulgadas pela Secretaria de Defesa Social (SDS). A família teria sido alertada pelo Corpo de Bombeiros para não se banhar na área de risco. A mordida foi sobretudo na coxa esquerda da menina.”
Fonte: JC Online


O ataque anterior havia acontecido em setembro, em Boa Viagem. As espécies cabeça-chata e tubarão-tigre são as mais comuns na área. Em toda a extensão das Praias de Boa Viagem e Piedade - em Jaboatão dos Guararapes -, há placas alertando para o risco. Nesta área, aconteceram 70% dos ataques nos últimos 21 anos.

Isso aconteceu praticamente na porta de minha casa, e eu nem sabia. Passei a tarde no estúdio, e só soube quando cheguei em casa, porque o porteiro do prédio comentou sobre. Aqui em Recife, o negócio é complicado com tubarões. Anos atrás, seu habitat foi invadido pela ampliação do Porto de Suape, o que gerou uma migração inesperada destes animais para as praias mais frequentadas por turistas. Não é pra menos, que em todas as praias aqui da capital tem placas alertando turistas e até relembrando nativos sobre o perigo constante de ataques (Que são ignorados, e por isso acontecem tantos incidentes por aqui). Em 11 anos, foram registrados pelo menos 59 ataques (não 92, como havia dito antes. Peço desculpas, confundi com outro artigo que tinha lido) nas praias da capital, e cidades metropolitanas como Olinda e Jaboatão dos Guararapes. Nem todos eles acabaram em morte, mas todos com um grande estrago. Sou daqui, e amo minha capital, mas para pegar uma prainha da boa, recomendo a quem vier nos visitar, que procurem praias afastadas, como Porto de Galinhas, Tamandaré, São José da Coroa Grande, e outras. Abaixo, imagens dos avisos espalhados pelas praias.



Aqui, alguns animais abatidos por pescadores (Só pra constar, sou contra este tipo de atitude. Nós foi quem invadimos seu habitat, aí agora vamos matar todos os animais só porque eles estão tentando sobreviver? Nada disso.)

LIXA




Estas imagens, mostram que temos animais de grande porte em nosso litoral, e também que os avisos devem ser respeitados, mesmo porque, até um animal de pequeno porte pode causar muita dor de cabeça.
http://libertesuamente13.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário