19 de nov de 2014

ALERTA....Crianças alérgicas a leite não devem tomar tríplice viral..

Posted by Semeando Paz on 19.11.14No comments
Crianças alérgicas a leite não devem tomar tríplice viral, alerta Ministério
Houve relatos de reações em crianças alérgicas a leite de vaca.
Alérgicos serão vacinados depois do fim desta campanha.
Do G1, em São Paulo


 
Vacinação contra sarampo e pólio em Campinas
(Foto: Reprodução EPTV )

Crianças com alergia a leite de vaca não deverão tomar a vacina tríplice viral - contra sarampo, rubéola e caxumba - nesta campanha de vacinação, segundo orientações do Ministério da Saúde divulgadas nesta quarta-feira (19). A recomendação foi feita depois de surgirem casos de reação alérgica após a vacinação em crianças com alergia a leite.

O Ministério da Saúde informou que crianças alérgicas a leite de vaca serão vacinadas depois do final desta campanha, que começou no dia 8 e vai até o dia 28 de novembro. As datas da vacinação dos alérgicos ainda não foram definidas.

Segundo a pasta, as vacinas produzidas pelo laboratório Serum Institute of India, que estão sendo utilizadas na campanha, têm em sua composição lactoalbumina hidrolisada. A substância não deve ser administrada a pessoas com esse tipo de alergia, de acordo com a Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (Asbai).
saiba mais


A associação afirma que entrou em contato com o Ministério da Saúde a respeito do problema. “Alertamos o Ministério da Saúde e, desde então, trabalhamos com o órgão responsável para resolver o problema, porém com os cuidados necessários para não prejudicar a Campanha Nacional de Vacinação, que é muito importante para combater doenças, como o sarampo, por exemplo”, afirmou o presidente da Asbai, Fábio Morato Castro, em nota.

"Embora não exista na bula nenhuma contraindicação do seu uso em pessoas que apresentam alergia ao leite de vaca, como medida de precaução, o Ministério da Saúde enviou a todas as secretarias estaduais de saúde informe técnico recomendando que crianças com histórico de alergia ao leite de vaca não sejam vacinadas com a tríplice viral", afirmou o Ministério da Saúde, em nota.

A orientação é que os pais que levem seus filhos aos postos de vacinação sejam entrevistados e questionados se as crianças têm histórico de alergia a leite de vaca.

A pasta informa que o laboratório Serum Institute of India é pré-qualificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e que os lotes usados na campanha passaram por análise do Instituto de Qualidade em Saúde (INQS).

Campanha Nacional de Vacinação
A Campanha Nacional de Vacinação engloba a vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, rubéola e caxumba, e a vacina contra poliomelite.

A vacina contra poliomelite é destinada a crianças entre 6 meses e 5 anos incompletos. Já a vacina tríplice iral é recomendada para crianças entre 1 ano e 5 anos incompletos. A expectativa é que mais de 12 milhões de pessoas sejam vacinadas até 28 de novembro. 
G1
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário