11 de jun de 2014

Homens são gravados baleados e agonizando após operação policial



Homens são gravados baleados e agonizando após operação policial

O vídeo foi divulgado no Facebook, em uma página que exalta a Polícia Militar de São Paulo. Corregedoria está investigando se houve participação de policiais na gravação
Por Redação
Uma página do Facebook chamada “Polícia do Estado de São Paulo”, que usa símbolos da Polícia Militar e da Rota, divulgou um vídeo em que duas pessoas pessoas aparecem agonizando. Durante a gravação, de 43 segundos, dois homens respiram com dificuldades, com muito sangue no chão. É possível ouvir algumas pessoas comentando ao fundo: “vai demorar pra morrer?”, “vai ficar famoso morrendo, ladrão”.
A gravação ocorreu no dia 8 de abril, às 9h30, segundo o Boletim de Ocorrência (BO) registrado na 22º Delegacia de Polícia de São Miguel Paulista. Os três homens que aparecem agonizando no chão teriam tentado assaltar um caminhoneiro, que acionou a PM.
Dos três homens que aparecem no vídeo, dois sobreviveram. A PM não divulgou o nome dos policiais envolvidos na operação. Nos comentários, seguidores do perfil exaltam a morte dos dois “bandidos”, como são chamados pelos usuários da página, e alguns reclamam da gravação, considerando-a “desnecessária”.
Resposta da PM
Em nota, a Polícia Militar informou que a página “Polícia do Estado de São Paulo” não é oficial da corporação e que está sendo monitorada. A Corregedoria da PM está investigando se houve participação de policiais na gravação do vídeo e informou que, caso seja confirmado o envolvimento, o ato pode resultar em punição.
Ainda de acordo com a PM, “é importante ressaltar que todo policial militar, assim como qualquer cidadão, pode postar aquilo que bem entender nas redes sociais, podendo, contudo, ser responsabilizado no campo civil, criminal e administrativo.”
O vídeo foi deletado pelos administradores da página após a repercussão nas redes sociais, mas pode ser visto aqui.
http://www.revistaforum.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário