6 de abr de 2014

Somos escravos "modernos" ...

Posted by Semeando Paz on 6.4.14No comments
"Não é demonstração de saúde ser bem ajustado a uma
sociedade profundamente doente
" - 
Jiddu Krishnamurti
"A servidão moderna é uma escravidão voluntária, consentida pela multidão de escravos que se arrastam pela face da terra. Eles mesmos compram as mercadorias que os escravizam cada vez mais. Eles mesmos procuram um trabalho cada vez mais alienante que lhes é dado, se demonstram estar suficientemente domados. Eles mesmos escolhem os mestres a quem deverão servir. Para que esta tragédia absurda possa ter lugar, foi necessário tirar desta classe a consciência de sua exploração e de sua alienação. Aí está a estranha modernidade da nossa época. Contrariamente aos escravos da antiguidade, aos servos da Idade média e aos operários das primeiras revoluções industriais, estamos hoje em dia frente a uma classe totalmente escravizada, só que não sabe, ou melhor, não quer saber. Eles ignoram o que deveria ser a única e legítima reação dos explorados. Aceitam sem discutir a vida lamentável que se planejou para eles. A renúncia e a resignação são a fonte de sua desgraça".



Admirável Mundo Novo (Brave New World na versão original) é um livro escrito por Aldous Huxley e publicado em 1932 que narra um "hipotético futuro" onde as pessoas são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia com as leis e regras sociais, dentro de uma sociedade organizada por castas.

Essa é a nossa realidade atual como sociedade! Seres altamente capacitados, cegos e idiotizados perambulando nesse planeta azul controlado por uma profunda hierarquia enraizada. Se você discorda, é porque não quer ver. Se não quer ver, que esperança você tem?

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário