15 de abr de 2014

O que é o futebol?

Posted by Semeando Paz on 15.4.14No comments


copa 2014 

O que é o símbolo da copa? Uma mão que segura a bola? Chico Xavier recebendo demônios e psicografando? A mão do governo que bate na cara de cada brasileiro? Nosso mais puro e sincero ato de vergonha diante do que existe de mais podre no mundo político, econômico e social? Proteste!
Criado no século XIX, o futebol surge no meio de várias transições filosóficas. Iluminismo, Marxismo e positivismo, ou seja, o capitalismo e o comunismo criam suas bases filosóficas e cientificas  para se expandirem  pelo mundo. Por outro lado, o cristo cósmico Baha’’u’llah também estava perto de completar suas epístolas e livros contento a Nova Ordem Mundial nessa época
Em 1863 surge a  Football Association (FA) na Inglaterra, que até hoje tem o controle do futebol no mundo. Ela está acima da FIFA e hoje pertence a família real Britânica, tendo o  Príncipe William, candidato ao cargo de executivo mundial na ordem mundial de Baha’u’llah, como Presidente. E assim, em nosso mundo moderno , Baha’u’llah e seu candidato a executivo mundial usam o futebol como fator da unicidade lucrativa.
Sabemos que a maior parte da população mundial é pobre, por isso nada melhor do que escolher pessoas pobres e as transformarem em líderes morais ou agentes facilitadores da nova ordem mundial devido a essa identificação mutua.  Homens porcos, sem instrução, burros e que amam falar palavrões educam as massas não pensantes.
É o garoto franzino transformado em super herói. É o ato porco de cuspir em campo que se reflete nas ruas por muitos homens desde crianças. Atitude de macho! dizem eles. É a linguagem inculta resumida apenas ao órgãos genital masculino  que se transformam na máxima expressão que se pode pronunciar  sobre sentimentos como:  o espanto, raiva e curiosidade. Olha o idioma universal surgindo através do futebol. Palavrão! Não seja primitivo! Isso é manifestação étnica, segundo os conceitos da ONU.
É o negro pobre transformado em branco pelo poder financeiro que chega no ápice da carreira ao lado de uma modelo arrogante  ( a mera mulher objeto) e vira rei de uma jogada só (Não agüento mais aquele maldito chapéu da década de 70) , mas a sua burrice o cega.
Se a copa de 70 serviu de pano para o fundo da ditadura, algo muito pior acontece na atualidade. Em termos de globalização, o futebol é a arma tão sonhada para promover e interligar a  diversidade cultural  de cada país centralizado no mesmo local, nesse caso o Brasil. Diversidade essa que vem se transformando em ditadura universalista pela ONU e Baha’u’llah, combatendo dessa forma o relativismo cultural. Dilma Rousseff: “Nossa Copa contempla a diversidade cultural”, diz a presidanta.
Afinal, a sociologia, filosofia e a antropologia estudam durante séculos uma forma de unificar os povos em nome de um senso comum, ou seja, algo que estivesse presente em todas as etnias da Terra. Impossível para o círculo acadêmico, mas possível para 22 burros que correm atrás de uma bola  em um  gramado.
Futebol gera fanáticos, loucos e assassinos. Esse cidadão global  é de suma importância para perseguir os opositores do futuro e devem ter seu direito humano de matar e roubar ampliado. Tolerância +  diversidade =  intolerância, especialmente quando alguém se opor ao sistema. É por isso que calaram a boca da Jornalista Rachel Sheherazade devido ao ocorrido durante o linchamento de um bandido que nuca deveria ter nascido.
O futebol está presente nas fraudes, nas licitações, nas obras inúteis. Recentemente, a MP630/13 que conta com a  participação de Gleisi Hoffmann (PT-PR abriu as portas para todo tipo de corrupção durante as grandes construções inúteis. Se por um lado as empresas lucram, os funcionários morrem como animais durante as obras. As empresas temem investir em segurança e perder o famoso bônus se terminar tudo antes do tempo. Ora, mas vale perder um funcionário que se acidenta do que um bilhão de reais!
Motivos para protestar não faltam, mas a nossa era comunista que nos livrou da ditadura militar está investindo pesado para matar qualquer manifestante que não aceite essa ditadura comunista, militar e da diversidade que está sendo implantada. Maldita formula que equaciona as nossas vidas ( Tolerância + Diversidade = Intolerância) !.
Existem  muitas formas de se manifestar: É o ato solitário e repentino de protesto, a vaia no estádio, o carro que é queimado na rua é o transito interrompido por qualquer coisa.  O maior terror é aquele feito por um único manifestante  ou de forma repentina. Devido a repressão que o governo do PT está instalando, esse estágio de “evolução” será inevitável.
Faltaria tempo para falar da prostituição e da miséria em volta do itaquerão. As obras  super e hiper faturadas que levam nada a lugar nenhum de Alkmin, mas eis que surge o brasileirão, a libertadores,  campeonato paulista, copa toyota, chevrolet, Wolks e outras imbecilidades. O povo grita Goooooool! É isso que importa no mundo globalizado e sua imbecilização.
O vento sacode e leva os pensamentos da forma que bem quer. O olho cego da diversidade vagueia procurando por outro para que  possa enxergar quem está prezo no anzol.  Satanás se regozija!  Tá na rede é Goooool, grita ele no inferno!
“Ele a todos levantará com o anzol, apanhá-los-á com a sua rede, e os ajuntará na sua rede varredoura; por isso ele se alegrará e se regozijará.”  (Habacuque 1 : 15)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário