7 de abr de 2014

GRANDE NOVIDADE!!!!!!.....PESQUISA DIZ QUE O BRASIL É UM DOS PIORES PAÍSES EM EDUCAÇÃO

Posted by Semeando Paz on 7.4.14No comments



Por Alexandre Figueiredo

"Sou inteligente. Nasci inteligente. Sou tudo de bom, sou nota dez, sou show de bola, sou da paz. Mas se alguém me dizer que não sou inteligente, então f...". Típica mensagem de um jovem brasileiro médio nas mídias sociais, ele tornou-se alvo de uma pesquisa não muito generosa para seu narcisismo.

Em outras palavras, é uma pesquisa que apontou o problema da Educação no Brasil e a incapacidade de jovens brasileiros de resolver os problemas através do raciocínio. A pesquisa foi realizada pelo PISA (Program for International Student Assessment - Programa Internacional de Avaliação de Alunos), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Segundo o estudo recente, que envolveu 44 países participantes da OCDE, entre países-membros e convidados (como o Brasil), o país sul-americano ficou em 38º lugar, bem abaixo de países como Cingapura (que ficou em primeiro), Coreia do Sul (em segundo), Estônia (em 12º) ou mesmo Eslovênia, Sérvia, Croácia e Israel (em 30º, 31º, 32º e 34º, respectivamente).

O Brasil, além disso, se encontra abaixo do Chipre, que ficou em 37º e distante de alcançar países desenvolvidos como Japão (terceiro colocado), Inglaterra (11º), França (13º), Estados Unidos (18º) e os escandinavos Finlândia (10º), Noruega (21º), Dinamarca (23º) e Suécia (25º).

A avaliação feita envolveu três áreas: Leitura, Matemática e Ciências. Os estudos foram feitos em 2012, com 85 mil alunos adolescentes. As questões correspondiam a problemas complexos que exigiam soluções menos óbvias, em computadores.

Algumas questões parecem simples para uma geração marcada pela Informática, como comprar bilhetes em uma máquina e operar um tocador de MP3. Uma outra questão, como analisar a menor distância entre dois pontos, já era uma típica questão de raciocínio lógico-quântico.

O Brasil atingiu apenas 428 pontos, bem abaixo da média do OCDE, que é de 500. Segundo a pesquisa, a região Norte ainda teve pior avaliação, com 383 pontos, e isso se observa levando em conta apenas as escolas situadas nas áreas urbanas. Se o PISA tivesse incluído as escolas rurais, a posição do Brasil estaria ainda pior.

Numa avaliação incluindo 65 países, o Brasil esteve entre os piores colocados, ficando em 58º em Matemática, 55º em Leitura e 59º em Ciências. As alunas do sexo feminino tiveram avaliação pior em 22 pontos em relação aos alunos do sexo masculino.

A pesquisa derrubou o mito, defendido por muitos ativistas, de que as novas tecnologias trariam o avanço na inteligência das pessoas. A Informática não melhorou a capacidade de raciocínio das pessoas, e o acúmulo de informações não significa que as pessoas tornaram-se mais inteligentes.

Quantidade não é qualidade. Problemas educacionais, manipulação da mídia, crise econômica e crise de valores sociais diversos influi nesse quadro. Será que os jovens "show de bola" das mídias sociais terão coragem de mandar o PISA "sifu"? 
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário