18 de mar de 2014

JURO, DÓLAR, INFLAÇÃO: IMPRUDÊNCIA, INCONSEQUÊNCIA, IMPREVIDÊNCIA, INCONSCIÊNCIA, INCOMPETÊNCIA. O ESTRANHO CASO DAS UPPS. QUEM DESVENDAR E CONTAR, GANHA O PRÊMIO PULITZER. EU QUERO, MAS E AS PROVAS?


HELIO FERNANDES

Dona Dilma está cheia de problemas. Na prática, na teoria, nos compromissos, nas promessas, passadas, presentes e futuras. Estas no caso de ser reeleita.

Apesar de toda essa repercussão do “entendimento-desentendimento”, com o PMDB, sua melhor expectativa é política. No mais amplo sentido. Do pessoal, com os adversários, ao coletivo, com os partidos.

Inflação de 6,01%

A OAB entrou no Supremo, para repor o que os trabalhadores têm perdido com a inflação nos últimos anos. Afinal, a OAB ressurgiu. Se o Supremo aceitar a ADIN, os que pagam imposto de renda começando mais ou menos no salário de 1.700,00 reais, a isenção passa para 2 mil e 800, um ganho verdadeiro.

Essa afirmação de que a inflação deste 2014, ficará em 6,01 tem mais de malabarismo e hermetismo do que autenticidade e credibilidade. Em janeiro a inflação, foi de mais 0,55, satisfação em relação a dezembro, que aumentou 0,92. Mas dezembro é 2013, passado.

Até agora, fugindo da meta

Fevereiro foi para 0,69, mas não desfizeram a alegria, apesar de acumularem mais 1,24 em 2 meses. Agora, para atingirem a meta projetada ou premeditada, têm que cuidar muito dos números. Se a inflação subir apenas a média mensal de 0,47 nos 10 meses que faltam, terminará o ano em 5,64, abaixo. Na média de 0,48 fechará em 6,04. Nas duas hipóteses longe do centro da média, tão apregoada. Mas há muito não alcançam esses 0,47 ou 0,48.

PIB, dólar, Selic

Os economistas que trabalham para o governo, no mundo inteiro, são tão inconstantes e incoerentes, que popularizaram a frase, “é a economia, estúpido”. A contradição em relação à moeda, é patrocinada pelo próprio governo de Dona Dilma e o BC independente.

Quando “veio” a 1,70, pânico. Quando “foi” a 2,40, irreflexão. E a Selic sem rumo e sem direção, considera que a única saída para a inflação, “é aumentar os juros”. Isso só faz estimular o pior “investimento” externo, o do “capital motel”.

A falta de Ministro do PC do B

O partidão era mais popular e muitíssimo mais combatente do que o PC do B. O PCB jamais transigiu, não quer dizer que estivesse certo. Mas recusou a chefia da “Revolução de 30”, Prestes queria que ela fosse comunista, a mais intolerante análise. Mas foi consultado e convidado.

Esse PC do B, “elegendo” apenas 13 deputados, 1 senador que não vai se reeleger e 1 governador acusadíssimo de irregularidades, está sempre acumulando “boquinhas”, com royalties para o ex-presidente.

Há quase 2 anos no Ministério dos Esportes, espera durar até 2018

Fez duas afirmações destrambelhadas, desorientadas, desconectadas, sem garantia ou autenticidade. 1 – “Os protestos de São Paulo não tiveram a menor repercussão, ninguém leva isso a sério”. Ora, ora, um comunista contra o povo, para mim, nenhuma surpresa.

2 – “A Copa do Mundo do Brasil será a melhor de todos os tempos”. (Plagiando Dona Dilma, tem que agradar a chefe para se manter).

E terminando: “Essa Copa vai fazer história”. Pode entrar na História, quem sabe por causa dos protestos esclarecedores?

Os manifestantes de rua, completando 1 ano no dia 6 de junho. Seis dias antes de começar “a melhor Copa de todos os tempos”.

Inacreditável, mas rigorosamente verdadeiro

A situação desanimadora e desadministradora da Argentina, atinge duramente as contas do Brasil. Dona Kirchner empolgada com a inflação de quase 30%, que ela tenta convencer o nobre povo que é de 12%, nem dá explicações. Como compradora que não paga, devia pelo menos “conversar” com Dona Dilma.

Numa página interna, (merecia “primeira”) a Folha num golpe direto, quase no auge de Cassius Clay - Muhammad Ali, não deixa a menor dúvida: “Dependência” (sic) da Argentina, agrava o déficit comercial do Brasil.

Sem pagamento

Completando: a Argentina COMPRA cada vez mais do Brasil e paga cada vez MENOS. As montadoras “do Brasil”, que vendiam muito para lá, agora se assustam com o ritmo de queda. E Dona Dilma, o que vai fazer? Mandar um BILHÃO para lá como fez com Cuba?

(O “mais médicos” não da para atravessar a fronteira, os argentinos estão muito mais pobres, mas não mais doentes).

O Mercosul quer se reunir para ver se “pacifica” a Venezuela. Só não querem que seja nos EUA. E como a Argentina não tem mais o prestígio de antes, recebeu o recado: “Se não se decidir logo, o Mercosul faz a reunião sem o país”.

A invenção da UPP, 2 anos de tranquilidade, só isso

PS – A UPP, singular que logo passou a plural, desde o início deixou impressão estranha. Não surgiu da cabeça do governador, os créditos colocados no nome do secretário de segurança. Foram muitos os “pensadores”, “ideólogos”, “idealizadores”. Quase todos da aristocracia não popular, quer dizer, sem povo.

PS2 – Naquela manhã esplendorosa, com as forças armadas conquistando o morro, e os traficantes fugindo por todos os lados, inesquecível.

PS3 – O tempo foi passando, os traficantes e outros bandidos, longe dos morros, “ganhando a vida nas ruas”, abandonadas e revoltadas. E as UPPs sem avançarem um milímetro, surgiam muitos rumores.

PS4 – Não houve o menor progresso, apenas a novidade dos teleféricos, para cidadãos que esperavam escolas, hospitais, pavimentação, liberdade, e principalmente acima de tudo, saneamento básico. Centenas de milhares de pessoas queriam ESGOTO. Como viver naquele nojo?

PS5 – Apareciam informes, (na linguagem do SNI, o que não foi “checado” na fonte) de um acordo espúrio, mais ou menos assim: “Não subimos o morro, não usamos armas, mas também não somos atacados ou perseguidos”. Reivindicação dos traficantes, aceita. Mas quem estava autorizado a “aceitar”?

PS6 – Esse tipo de acordo não resiste muito, não levou tempo para esGARÇAr. E romperam o combinado, com o desaparecimento do Amarildo. Os traficantes ficaram revoltados, mais de 20 policiais, liderados pelo próprio comandante, assassinaram o pedreiro, botaram “a culpa nos traficantes”. Juraram vingança.

PS7 – Os “aristocratas” se apoderaram da imagem do pedreiro, festas e banquetes, os traficantes se organizando para subir outra vez. Os “aristocratas” souberam. Fiquei surpreendidíssimo, quando apareceu aquela gravação de 43 minutos, mostrando todo o trajeto do carro. (Dito que a aparelhagem de gravação estava quebrada).

PS8 – Considerei na época duas hipóteses. 1 – Extraordinário furo de reportagem, aquilo não podia ser desmentido. 2 – Ou um “aviso” dos traficantes: “Agora será assim”. E passou a ser. Os que sabem muito ou tudo, não querem ou não podem falar, Embora suas casas e apartamentos estejam cercados de viaturas policiais blindadas.

PS9 – O assassinato do comandante (tanto faz que nominalmente seja sub, está mais nas ruas e dentro dos episódios de uma UPP) mudou muita coisa, até hábitos e rotinas dos dois lados.

PS10 – Tem aparecido muito e não dito nada. Ou melhor, repete o que já foi esclarecido há anos, desde que as UPPs se instalaram: “Sozinhas se desgastarão, é preciso completar com o que as comunidades esperavam e agora exigem, muito justamente”.

PS11 – Começando na sexta feira, vários carros blindados da Polícia Militar, dão cobertura. Não rondam, ficam paradas fechando um círculo de segurança. No auge do “fora Cabral”, o governador sequestrado, o secretário não quis nenhum policiamento. Silêncio completo. Nem uma palavra para o vídeo de 43 minutos.

PS12 – As ordens vêm das prisões. Os “chefões”, antes em celas mínimas, sobrevivência incrível. Agora, longe da praia, sabem que estão recebendo ar marinho. Mudaram o tratamento, querem que mudem as ordens.

PS13 – Sei que estão tentando um acordo, o comando das UPPs e os traficantes, mas as conversas irão longe. Não tenho prova de coisa alguma, embora saiba muito. Se tivesse provas jornalisticamente, que maravilha viver.

PS14 – Estou procurando, a história vale seguramente o Prêmio Pulitzer, exclusivamente para reportagem. Gostaria de ganhá-lo. Quem sabe que com estas notas, alguém poderoso e altamente protegido, complete as revelações? Tem acontecido em termos jornalísticos. Aí, o Pulitzer é meu.

Tribuna da Internet
http://brasilsoberanoelivre.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário