23 de nov de 2013

Matou e cozinhou a própria cadela.... a polícia achou, na casa do acusado, as costelas do animal em uma panela no fogão e outras partes do corpo da cadela em um congelador.


Sujeito devorou pit bull após fazer picadinho do animal
Um americano de Tampa, na Flórida (EUA), matou sua cadela pit bull, a cozinhou e depois comeu o animal. Thomas Huggins, de 26 anos, foi declarado culpado de crueldade animal ontem e, na audiência para a sentença, marcada para o dia 19 do mês que vem, poderá enfrentar uma condenação de até cinco anos de prisão.
Segundo as autoridades, Huggins alegou que ‘Bandit', o nome da pit bull, tinha ficado agressiva e que, por isso, não podia vendê-la. Então, ele decidiu matá-la, parti-la em pedaços e depois comê-la.
O crime foi descoberto em 27 de junho deste ano, quando a polícia achou, na casa do acusado, as costelas do animal em uma panela no fogão e outras partes do corpo da cadela em um congelador.
A irmã de Thomas, Monica Huggins, foi quem alertou a polícia, porque ficara totalmente "comovida" com o que havia acontecido. As informações foram publicadas pelo jornal Orlando Sentinel.
A juíza do caso, Samantha Ward, recomendou que Huggins passasse por um exame psiquiátrico. Ele, aparentemente, asfixiou o próprio animal usando um saco de lixo.

Via: Meia Hora
 
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário