25 de jul de 2013

Ataque à Síria será ignidor da Terceira Guerra Mundial Qualquer ataque à Síria = a 3ª Guerra : Adverte analista dos EUA - Planeta Terra está sendo governado por psicopatas

http://previous.presstv.ir/photo/20130713/crabbe20130713143832160.jpg
Segundo o ex- marine dos EUA e atual analista militar dos EUA  Ken O'Keefe no vídeo abaixo,  adverte que qualquer tipo de ataque à Síria, mesmo só de pensar em um ataque contra a Síria, irá desencadear  a 3 ª Guerra Mundial . Mr. O'Keefe nos informa numa  entrevista que a Rússia está preparada para transformar o próximo ataque exterior contra a Síria no "fim de jogo" ... um "jogo final", que poderá muito bem significar o fim para quase todos nós  e deverá ser nuclear. Adivinha quem está puxando as cordas para a 3ª Guerra e 'devastação nuclear? De acordo com o Sr. O'Keefe, este mundo está literalmente sendo executado por "psicopatas", algo que  leitores já sabem há muito, muito tempo ...
Ken O'Keefe, um ex-Marinheiro dos EUA, disse à Press TV no ​​sábado que a Rússia não poderia ficar indiferente a um potencial ataque militar contra a Síria.
"A Rússia tem feito [ela] muito, muito claro que eles não iriam sentar e permitir que outro país venha a  ser bombardeado e efetivamente violado e pilhado em termos com desenhos dos impérios. Ela não vai permitir que isso aconteça ", disse O'Keefe.
Ele disse que uma terceira guerra mundial é possível ou "nem mesmo pensar [sobre] ... intervenção militar, seja ela qual for, se ela está usando algumas armas de alta tecnologia, secretamente armas e outros enfeites, a linha inferior é que estão  tentando a terceira guerra mundial ", acrescentou.

"Há governos e os jogadores de fora que acreditam que todos os meios são adequados [para serem usados] para derrubar o regime sírio", disse Lavrov.

O'Keefe acrescentou: "No final do dia, essas pessoas que estão no poder, os banksters em particular, são esses que puxarão as cordas para a Terceira Guerra Mundial", disse o ex-fuzileiro naval.
Fonte: Youtube
  http://issoeofim.blogspot.com.br/
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário