Que todos os seres sejam felizes e que meus pensamentos palavras e ações contribuam para a felicidade de todos os seres.
Grata por sua presença aqui.
Volte sempre


25/12/2012

A farsa do natal (a festa pagã)

A farsa do natal (a festa pagã)

A origem do natal: Jesus  ou Tamuz?
A festa do Natal não estava incluída entre as primeiras festividades da Igreja… os primeiros indícios dela são provenientes do Egito… os costumes pagãos relacionados com o princípio do ano se concentravam na festa do Natal“.


Não vemos nas Escrituras ninguém que haja celebrado uma festa ou celebrado um grande banquete no dia do seu natalício. Somente os pecadores (como Faraó e Herodes) celebraram com grande regozijo o dia em que nasceram neste mundo“.

O Natal é uma das principais tradições do sistema corrupto chamado Babilônia, fundado por Ninrode, neto de Cam, filho de Noé. O nome Ninrode se deriva da palavra “marad”, que significa “rebelar”. Ninrode foi poderoso caçador CONTRA Deus (Gn 10:9).
PAPAI NOEL é lenda baseada em Nicolau, bispo católico do século 5º. A Enciclopédia Britânica, 11ª edição, vol. 19, páginas 648-649, diz: “São Nicolau, o bispo de Mira, santo venerado pelos gregos e latinos em 6 de dezembro… conta-se uma lenda segundo a qual presenteava ocultamente a três filhas de um homem pobre… deu origem ao costume de dar presente em secreto na véspera do dia de São Nicolau (6 de dezembro), data que depois foi transferida para o dia de Natal. Daí a associação do Natal com São Nicolau…”

VELAS, símbolo tradicional do Natal, são uma velha tradição pagã, pois se acendiam ao ocaso para reanimar ao deus sol, quando este se extinguia para dar lugar à noite.

GUIRLANDAS, são colocadas nas portas, que segundo o conceito pagão, serve para convidar espíritos para casa.

Natal, não é e nem nunca foi uma festa Cristã, ela foi critanizada. Jesus não é o Deus celebrado nessa ocasião.
 Segundo relatos, O deus adorado na verdade é Ninrode, pois Semiramis sua mãe  teve um filho com ele e espalhou que Tamuz, fruto do seu relacionamento com Ninrode, era uma obra sobrenatural. imitando o nascimento do Messias. E quando Ninrode veio a morrer, ela disse que Tamuz era sua reencarnação, que as pessoas deveriam colocar presentes nas árvores em tributo a ele.
Por esse motivo, temos que nos acautelar contra o espírito de engano, que tem enredado multidões em sua rede de mentiras. Toda vez que colocamos uma árvore em casa ou qualquer objeto que lembre o natal, o adorado é Ninrode, o deus sol; Baal; Baphomet, não importa o nome, o demônio é o mesmo, e o seu principal objetivo, é nos afastar do único e verdadeiro Deus

http://agrandementirarevelada.blogspot.com.br
Compartihle

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Designer Gabriel Orlen